Pior Que Tá, Não Fica!


Em tempos de censura, há humoristas que pretendem fazer comédia com a galhofada de candidatos. Um dos palhaços mais escrachados da atualidade chegou à porta da casa dos políticos e sentenciou em tom de descaso: “Pior que tá não fica!” Candidato que quer ajudar sua família, em primeiro lugar pode até parecer uma ingenuidade redundante vinda do aspirante a político, mas a forma com que isto foi dito bem na fuça dos homens públicos do país se tornou mais marcante que muitas manifestações feitas por aí.

E acreditando que nada melhor que um palhaço para símbolo da política brasileira a Control junta as forças com a Abunai Produções e com a paulistana Love 80 para chamar a sua atenção na hora do voto. Cuidado com o comediante que você elege, porque no final eles que vão rir da sua cara. E como circo sem festa não é circo chamamos você para se conscientizar e se divertir nessa festa simultânea em dois estados distintos:



Anacrônica na abertura do show do Franz Ferdinand.

São Paulo:

A festa será no Darta Jones com parceria entre a Control e a produtora Love 80 que trarão para o palco os curitibanos do Anacrônica. Banda que começou seus trabalhos em 2006, com um disco lançado. A banda circula pelo eixo sul-sudeste e fez um elogiado show de abertura para a banda escocesa Franz Ferdinand este ano, tendo passado pelo crivo de um sorteio sido a escolhida entre bandas de peso como Ecos Falsos e Superguidis e pelo próprio Franz Ferdinand.

A festa ainda contará com os Dj’s Emerson Coe (Control) e Tchelo Man Machine (Love 80) fazendo a pista bombar com hits do rock antes e depois do show.




Renegados na Scorpions.

Belém:

A Control une forças com a Abunai Produções para levar ao Caverna Clube uma noite regada à conscientização rockeira e etílica com a presença das bandas: Licor de Xorume - com seu primordial “catuabacore”, trazendo na bagagem uma tour desbravando o centro oeste brasileiro com bandas do estilo. Rennegados - banda que comemora 10 anos de estrada este ano já tendo tocado com Dead Fish e DFC. Dercy Gonçalves - banda calibrada do grindcore paraense tendo excursionado pelo Brasil e feito shows ao lado de gente como Ratos de Porão, DFC, Crazy Legs, Rasta Knast (Alemanha) entre outros, além dos eternos Gibbamones mandando ver no Ramones pra galera gastar a sola do sapato dançando.

O evento ainda contará com a presença dos convidados: Sidney Filho (blogs Ver o Pop e Rock Pará) e Jardel Crudo (This is Radio Trash) além dos residentes Rafaela Fontoura (Abunai) e Marcio Crux (Control) destrinchando o melhor do rock nas pick ups pra galera se divertir na pista e com a venda de rango vegetariano do Veg Casa!


Serviços:
Pior Que Tá, Não Fica!

São Paulo
Data: 01/10/2010
Local: Darta Jones
Hora: 22:00 Horas

Preços:
H $60 M $30 - porta
H $30 M $15 - lista
H $10 M $10 - flyer/niver/amigos/vip

Consumação (somente com nome na lista listavipcontrol@gmail.com)
H $40 M $20


Banda:
Anacrônica (PR)

Discotecagem:
Emerson Coe (Control)
Tchelo Man Machine (Love 80)


Belém
Data: 01/10/2010
Local: Caverna Clube
Hora 22:00 Horas
Preço: R$ 5,00

Bandas:
Dercy Gonçalves
Gibbamones
Licor de Xorume
Renegados

Discotecagem:
Sidney Filho (Ver o Pop e Rock Pará)
Jardel Crudo (This is Radio Trash)
Rafaela (Abunai Produções)
Márcio Crux (Control).

Primeira Festa Control em São Paulo.



LOVE80 @ CONTROL

Os amantes da década mágica
apresentam:

DUELO DE BANDAS no Darta Jones
THE SMITHS vs JOY DIVISION

AS 20 PRIMEIRAS MULHERES NÃO PAGAM (até 23:59)
ANIVERSÁRIOS: 2 vips + convidados $15

DJs
EMERSON COE
TCHELO - MAN MACHINE

Nesta sexta quem vier assistir o filme
24h PARTY PEOPLE - A FESTA NUNCA TERMINA
que vai começar as 22h NÃO PAGA ENTRADA
e fica de graça na balada!

PREÇO ÚNICO
$25 - porta
$15 - nome na lista@djtchelo.com

10/09 | sexta | 22:00h
DARTA JONES
Rua dos Pinheiros, 458

Informações: (11) 3082.4430
http://www.DARTAJONES.com.br/

Baile da Maldade


Saudade do Rock’n roll que você ouvia e que assustava seus pais quando você ainda era um pequerrucho que mal sabia fumar ou ficava brisado na primeira cerveja? Você assiste a Lady Gaga e pensa que divertido mesmo foi o L7 tirando a roupa no Hollywood Rock. Você que cantava bichos escrotos no colégio e assustava as professorinhas tem que agüentar ver seu irmãozinho, ou pior, seu filho cantando Cine(!). Você que ia aos bailes de rock, encarava as ruas escuras pra chegar à festa, mas intimidava a todos porque o rock já foi coisa de marginal.

É por essas e outras que a Control vai na contra mão das tendências moderninhas que fazem a cabeça e ditam o espírito hype que toma conta da cidade hoje em dia. As festas atuais são legais, mas o bom e velho rock’n roll será sempre irritante para os puritanos de coração gelado que acham que rockeiro é tudo drogado ou comedor de criancinha. E é exatamente dessa maldade que a gente gosta e sente falta.

No dia 06/09 você vai poder resgatar um pouco dessa maldade que anda adormecida esperando por um Kurt Cobain, um Sid Vicious, um Iggy Pop ou quem sabe até um Elvis Presley despertar novamente no coração dos jovens. Na pista do pub mais maldito da cidade os Dj’s André Leão, Gabriel Gaia (Pogobol), Os irmãos Mods Junior & Jeft (Sixtie Tons) e, celebrando a independência do Brasil, Raul Bentes (Independentes do Brasil) destilarão o melhor do rock, punk, clássicos, garagem, nacional junto com o Control residente Márcio Crux até o sol raiar.

No dia 07/09 o residente Emerson Coe levará a Control pra São Paulo. A festa Control Double Feature será no Cosmopolitan Lounge no bairro da Consolação com Emerson Coe e Dj Tchelo dividindo as pick ups.


Baile da Maldade

Casa de Espetáculos: Café Taverna

Data: 06/09/10 (Véspera do Feriado)

Inicio: 22:00 horas

Ingressos: $5 até 1 hora depois $10

Promoção: 3 cervas por $10


Dj Control Marcio Crux

And

André Leão

Júnior & Jeft ( http://sixtietons.wordpress.com/ )

Gabriel Gaia (Pogobol)

Raul Bentes (http://www.independentesdobrasil.com/)

Entrevista DDT

O Destruidores de Tóquio nasceu em Capanema com o intuito de fazer rock. Mas se na capital fazer rock já é difícil, imagine em Capanema. Mas é com essa dificuldade como tempero necessário a maioria das bandas que o DDT se tornou referência em produção no interior do estado, seja por sua sonoridade exclusiva na cena paraense, seja por sua proposta de valorização da cena do interior. Formado por Nazo Glins na guitarra/voz, Alex Lima no Baixo/voz e Messias Lima na Bateria o DDT fala sobre os projetos nessa entrevista para o blog da Control.

Destruidores de Tóquio

1° O que levou ao nascimento da banda?

A falta de bandas pra vermos nos finais de semana em Capanema!

2° Como se da criação e composição das canções?

Dá-se de diversas formas, individualmente, em conjunto, em parcerias, mas no geral juntamos todas as idéias e as amadurecemos nos ensaios. Procurando sempre seguir nossa fórmula de composição: Músicas completamente pops, introdução, estrofe, refrão, tudo de novo e solo, e letras que possam dizer tudo em poucas linhas.


2° Quais as diferenças e dificuldades que vocês perceberam entre a gravação das demos e do primeiro disco pelo Ná music?

Por incrível que pareça, foi mais fácil gravarmos em Belém o primeiro disco pela “Ná Music” do que a gravação das nossas demos em Capanema, no “Avesso e O Avesso” tivemos a oportunidade de trabalhar com Jacob Franco que sabia exatamente onde a banda queria chegar, diferente dos técnicos do interior, que não sabem nem onde eles mesmos querem chegar. As diferenças foram gritantes, nós gravávamos em fita k7 e posteriormente em um velho aparelho de MD, nós mesmos mixávamos e produzíamos, já no estúdio do Ná, além das diferenças tecnológicas contamos com o apoio do Ricardo Maradei e do Jack Nilson como produtores, que elevaram em muito o nosso trabalho, além da mixagem e masterização dos irmãos Dreher, mas procuramos fazer tudo como fazíamos no interior, gravamos ao vivo e em poucos dias.


3° Os clipes são feitos por vocês mesmos? Como se dá esse processo de criação, gravação e produção?

Sim os clipes são produzidos por nós mesmos, quanto ao processo de criação, é tudo feito da maneira mais básica possível, já que não temos muitos recursos, ainda é feito como fazíamos nossas demos, gravamos tudo em pequenas câmeras digitais, montamos em cópias piratas de programas de edição de vídeos, procuramos valorizar as idéias, com a democratização digital do universo pop, a qualidade ficou pra segundo plano, Sthefany esta aí pra confirmar com seu “Cross fox”, e nós abraçamos essa idéia.


4° Que consequências a internet trouxe para a cena de rock que existe no interior paraense?

Como em todo o mundo a internet diminuiu distâncias, derrubou fronteiras, e facilitou a vida de muita bandinha obscura, e reinventou o mercado da cultura pop, mas trouxe muito lixo junto, que deveria continuar no underground, mas nos tempos do “youtube”, até o lixo ganhou uma nova conotação. E afinal todo mundo tem direito a seus 15 minutos de fama!

5° Quais os objetivos do Projeto Invasão Caipira e as consequências que vocês pretendem atingir na cultura do interior?

O maior objetivo do Projeto é viabilizar divulgação pra cultura pop-brejeira, o que é bem comum em nossa região, mas fica ofuscada pela cena ex-alternativa dos festivais e coletivos da vida. Ainda tem muita coisa a ser mostrada no interior: mais Rock Rural, uma pá de compositores e músicos talentosos, batucada, carimbo, macumba, marujada... O interior em muito mais rico e diversificado que a capital, e é isso que pretendemos atingir com esse projeto, mostrar essa sopa cultural para o mundo.


6° Pra descontrair, O DDT pode ser chamado, é a primeira banda de rock rural do Pará?

Somos sim a primeira banda de Rock Rural do Pará, e a primeira a se assumir, enquanto as outras sonham em chegar à capital, nos estamos trazendo a capital pra zona rural, e somos totalmente esclarecidos, apesar de anualmente viajarmos pelo Brasil, não temos a ilusão de que tudo acontece no Rio, Brasília e São Paulo, é importante nos divulgarmos nesses grandes centros (que nunca vão deixar de ser o Eixo), mas no interior também acontece muita coisa interessante e é ainda mais importante nos divulgarmos por aqui.


7° Obrigado pela entrevista e quais são os desejos, Projetos e ambições, o que se pode esperar do DDT e do Invasão Caipira?

Estamos preparando a quarta edição do Projeto Invasão Caipira, que provavelmente vai ser o invasão especial macumba, vamos fazer no terreiro da dona Ana em Quatipurú, dia 04 de Setembro tocaremos na Feira do Livro a convite no palco principal, em Outubro iremos pra mais uma mine turnê passaremos por Brasília, Rio de Janeiro e provavelmente São Paulo, pretendemos gravar nosso segundo álbum oficial a ser lançado em 2011, e mais edições do Projeto Invasão Caipira e a coletânea do projeto.


Contatos:
(091)3462-4484/ 8702-6158/ Nazo Glins
(91) 8838-1292 / Alex Lima
(91) 9206-4471 / Messias Lima


DDT na WEB


Blog:

http://destruidoresdetoquio.blogspot.com/

Trama virtual:
www.tramavirtual.com.br/destruidores_de_toquio
Myspace:
www.myspace.com/destruidoresdetoquio
Pleimo.com:
www.pleimo.com/destruidores
Palco mp3:
www.palcomp3.com.br/destruidoresdetoquio

Twitter

@destruidores

Discografia:

A Vaca Foi pro Brejo- (EP demo) independente- 2003

Pirlimpimpim- (EP demo) Independente- 2004

Sacanagem e Show de Horrores- (demo) Independente- 2005

A Celebração da Autodestruidoção- Disco Independente- 2006

Música para Suicídio- Disco Independente duplicado por Ná Music- 2007

Rock Soldiers- (Coletânea ) UGK Discos- 2008

O Avesso e O Avesso- Disco Oficial 2009.

Vídeografia:

Amor e Restos Humanos - 2006

Pra você Morrer Logo - 2006

Música Para Suicídio - 2007

Plástica Natural - 2007

Homem Invisível-(indicado ao 3º prêmio ná de vídeos paraenses) 2007

I Wanna Be your Dolly-(Indicado ao 4º prêmio Ná Figueredo de vídeos paraenses) 2008

Todo DJ já Sambou.

Todo DJ Já Sambou traz personagens como Osvaldo Pereira, um típico brasileiro, que estava no lugar certo na hora certa. Com criatividade e vontade de levar diversão mais barata para as massas, Osvaldo, o primeiro DJ do Brasil, "inventou" uma profissão que estava surgindo quase que ao mesmo tempo em outros cantos do planeta. A "orquestra invisível" de Osvaldo (nome do seu equipamento de som nos anos 50) tocava discos em 78 rotações de Glenn Miller e afins. Os bailes organizados por ele inspiraram toda uma geração de DJs de black music. No Rio de Janeiro, essa cena black serviu de base pra criação dos bailes funk; e em São Paulo formou a primeira geração de DJs de hip hop.



DJ, escritora e jornalista, Claudia Assef passou pela Folha da Tarde, Correio Braziliense, Folha de S. Paulo (inclusive como correspondente em Paris), editora Abril (onde editou a revista Volume01), comandou a independente Beatz, além de ter colaborado com publicações como Bravo e DJ World. No rádio, Claudia apresentou o programa Clubtronic Especial, na 97.7 FM. Também trabalhou na direção artística de eventos como Motomix, Nokia Trends e Skol Beats.

Acesse o blog.

Porra DJ!!!!


Quem já conhece o Porra Maurício e outros Porras por ae vai rir muito com o Porra DJ! Moderado por Jesus "Ligth" a pouco menos de 3 meses, já causa polêmica, acho a idéia válida pois critica coisas que muita gente não tem coragem.

Set Maluco II Missão BR


Novamente juntando músicas de estilos difrentes. Aproveitando o ensejo da Copa um set nacional.

Playlist
01 » Agora eu sei - Zero & Paulo Ricardo
02 » Carne e osso - Picassos Falsos
03 » Princesa - Ludov
04 » Office boy - Bonde do Role
05 » Tranquilo - Acabou La Tequila
06 » AA UU - Titãs
07 » Para os Que Estão em Casa - Hojerizah
08 » Beije-Me Cowboy - Arte no Escuro
09 » Eu Sou Free - Sempre Livre
10 » Luzes - Escola de Escândalos
11 » Raimundo o Coveiro - Missionários do Dízimo
12 » Eu Não Gosto de Ninguém - Matanza
13 » Noite Preta - Vange Leonel
14 » Desabafo - Marcelo D2
15 » Garrafada do Norte - Planet Hemp e Bezerra da Silva
16 » Legalize Já - Planet Hemp



Download

Marca nova, vizoo novo!



É com enorme prazer que apresentamos no mês de julho nossa nova marca e identidade visual.

A nova logo buscou dar uma cara mais dinâmica para a marca, trazendo conceitos como modernidade, atitude, agora graficamente representada em nossa marca.
Acompanhado da nova marca, apresentamos um novo visual, Os artigos que produzimos também ficaram mais fáceis de achar. Fique à vontade para usar o espaço dos comentários e deixar a sua opinião!

Set Maluco



Junte as músicas que você gosta independente do estilo e faça um set :)

Playlist
01 » The Bitter End - Placebo
02 » Night - Zola Jesus
03 » Unbelievable - EMF
04 » Hercules Theme - Hercules and Love Afair
05 » Megablast - Bomb the Bass
06 » 100% - Sonic Youth
07 » Dare - Gorillaz
08 » Groove is in the heart - Deelite
09 » Blitzkrieg Bop - Ramones
10 » Cars - Fear Factory (Gary Numan Cover)
11 » Metal - Afrika Bambaataa feat. Gary Numan & MC Chatterbox
12 » Setting Sun - Chemical Bros.
13 » Debaser - Pixies
14 » Doubt - Delphic
15 » I Wanna Be Your Dog - Ascii Disko ( The Stooges Cover)
16 » Popozuda - Defalla
17 » Time Stands Still - Cut Copy
18 » Blue monday - Autoramas (New Order Cover)
19 » The Rockafeller skank (the funk soul brottar) - Fat Boy Slim
20 » Headhunter - Front 242
21 » Silver Surfer, Ghost Rider Go! - Trentemoeller
22 » Mirislou - Dick Dale and the Delftones
23 » Girl Afraid - The Smiths



Download

Clube dos Cafajestes


CLUBE DOS CAFAJESTES!
Dois anos de Fraternidade Control

Há um pouco mais de dois anos a Control vem trilhando de bar em bar em busca de diversão. Nesses dois anos fizemos muitos amigos e nos divertimos com as situações que só acontecem em festas nas noites de Belém.

Sempre arriscando idéias e mesclando públicos para que ao final, por mais que nós organizadores passemos por alguns apertos, ainda possamos nos divertir na pista vendo a moçada se jogar até a última gota de cerveja. Para a Control, uma festa não é só uma festa.

É uma grande celebração. No dia 03/04 no Le Marchand a Control convida os amigos, boêmios e os que não pensam no amanhã quando estão envolvidos pelo calor da música que sai das PA’s para celebrar nossos dois anos de estrada.
A festa contará com os Dj’s Control e os amigos das produtoras parceiras Médici (Rockwork), Miguel Haoni (Pogobol), Renato, (This is Radio Trash) e Daniel Leite (Durango95), Louis Sade além do amigo Raul Bentes da Rádio Independentes do Brasil estarão disperso por dois ambientes pra animar a noite. E no melhor estilo clube dos cafajestes quem for de toga paga apenas R$5,00 a noite toda. Ainda tem a disputa entre Pixies versus Placebo e a mesa do Chapeleiro Maluco com frutas e o magnífico ponche Sangue de Dionísio pra elevar o astral da galera. Para os que ficam em Belém durante a semana santa preparamos as melhores horas da agonia que vocês possam imaginar.

Serviço:
Clube dos Cafajestes

Dois anos de Fraternidade Control


Dia: 03/04
Hora: 22:00h
Local: Le Marchand (Braz, prox. Quintino)
Preço: R$ 10,00 (R$5,00 pra quem for de Vizoo)


Line up
Pista:
Dj’s Control +
Daniel Leite (Durango95)
Médici (Rockwork)
Renato (This Is Radio Trash)

Lounge
DJ’s Control +
Louis Sade
Miguel Haoni (Pogobol)
Raul Bentes (Independentes do Brasil)

+

A disputa entre Pixies x Placebo
Mesa do Chapeleiro Maluco
Ponche Sangue de Dionísio


Twitter:
@controlinc

No playlist:

Clube dos Cafajestes! 2 anos de fraternidade Control. by emersoncoe

Rockwork Orange: Stairway to Heaven or Highway to Hell?


ACDC, Led Zeppelin, Buzzcocks, Beatles, Rolling Stones, The Who, Guns'n'Roses, David Bowie, The Clash são clássicos?

Strokes, Franz Ferdinand, Kings of Leon, Kaiser Chiefs, Phoenix, Killers, Libertines, Of Montreal, Ok Go são indies?Gossip, Justice, Klaxons, Boss in Drama, Copacabana Club, La Roux dão a pitada de electro?

Então estás no lugar certo, dia 12/03 SEXTA no CERVEJARIA CAVERNA PUB vai rolar a Rockwork Orange: Stairway to Heaven or Highway to Hell?

Médici comandando as pick-ups recebe os convidados Marco e Vini, Ju Carvalho e Emerson Coe da Control. Com bótons para 100 primeiros e nosso drink moloko enquanto durarem os estoques.

Envie seu nome para belem@rockwork.com.br para entrar em nossa lista de descontos e pagar somente R$ 10 a noite toda ou até a 00:30, depois R$ 15 para os desavisados.

Serviço:
O quê? Rockwork Orange: Stairway to Heaven or Highway to Hell
Quando? SEXTA, 12 de Março.
Onde? Cervejaria Caverna Clube, Rua 14 de Abril, n 1242, entre Magalhãe Barata e José Malcher.
Quanto? R$ 10 na lista ou até 00:30. Depois R$ 15.
Local Cervejaria Caverna Club


Rockwork Orange Emerson Coe DJ Set  by  emersoncoe

Set Emerson Coe
Playlist:
01 - Teenage talk - Loo&Placido (mashup)
02 - Hercules theme - Hercules and love affair
03 - Praise the new of day (mashup)
04 - The reeling - The Pit Passion
05 - The sun ain't shine no more - The Asteroid Galaxy Tour
06 - Come around - Tim & Jean
07 - Might Like You Better - Amanda Blank
08 - Groove is in the heart - Dee Lite
09 - Creepy girls - Apes & Androids
10 - Harder Better Faster Stronger and Around the world - Daft Punk
11 - 24h party people - The Happymondays
12 - Digital killers - Loo&Placido (mashup)
13 - Juke join Jezebel - KMFDM
14 - Uzela - Fagget Fairys
15 - Ambobop - Knightlife
16 - The Brits are playing at my house - FAROFF (mashup)
17 - 17 deaths - The Lost Valentinos
18 - Disco punk electro funk - The Tigerpicks
19 - In it for the kill - La roux
20 - Beggin for glory (mashup)